Evite prejuízos com esses cuidados

por nexos
evite prejuízos na sacada de vidro

As varandas dos apartamentos são, muitas vezes, associadas a momentos de descontração e relaxamento. Seja para festas ou para um cochilo a tarde, esses ambientes são muito cobiçados e valorizados por quem adquire um apartamento. Uma opção em alta é fechar a varanda a fim de ganhar mais conforto e aconchego.

O local para a instalação do envidraçamento deve ser analisado por um profissional. Além disso, os vidros podem apresentar uma série de configurações, de acordo com as necessidades do projeto. O ideal é que sejam utilizados vidros de segurança, como o vidro laminado ou o temperado com a película de segurança.

Evite prejuízos com esses cuidados! 

Manutenção das sacadas com vidro

O fechamento de sacadas com vidro traz benefícios para o ambiente. Entretanto, por ser mecânico, precisa de manutenção constante. Isso porque os materiais podem se deteriorar com o passar do tempo, já que são expostos aos agentes externos, como sol, chuva e vento.

Não deixe acumular sujeira na sacada

Esse tópico merece muita atenção. Isso é muito importante! Não deixar a poeira acumular não é só importante para estética, mas também para a conservação dos vidros. Dessa forma, periodicamente limpe a vidraça e os trilhos. Procure retirar toda a sujeira existente. Esses cuidados evitam manchas, riscos e outros imprevistos. Além disso, prolongam a vida útil da sua sacada com vidro.

Manuseie as folhas de vidro corretamente

Esse cuidado evita problemas nas peças de rolamento e vedações. Além disso, facilita o deslizamento das folhas pelos trilhos, evitando que emperrem.

Faça avaliações periódicas

Mesmo com todos os cuidados acima, é importante a contratação de um profissional para fazer uma avaliação periódica. Preferencialmente, essa avaliação deve ser feita anualmente.

Tipos de manutenção para sacada de vidro

Corretiva: faz os reparos após a identificação de avarias aparentes;
Preventiva: prevenção de defeitos, ou seja, antes que aconteçam;
Preditiva: também é preventiva, tomando-se precauções contra falhas nos equipamentos ou nos sistemas, fazendo acompanhamento por diversos parâmetros;
Detectiva: seu objetivo é detectar falhas ocultas ou dificilmente percebidas na operação e manutenção do objeto.